Kátia Abreu, PDT e China: O ataque à soberania brasileira

O ministro Ernesto Araújo divulgou em sua conta no twitter uma sequencia de mensagens onde expõe a senadora Kátia Abreu como a principal interlocutora do senado federal em suposta busca de favores para a tecnologia 5G da chinesa Huawei, conforme vemos abaixo:

Para entender o complexo jogo de xadrez que está por trás destes movimentos precisaremos voltar no tempo para que consigamos ligar diversos pontos importantes.

O último culpado da última semana

A última semana terminou com mais uma grande crise em Brasília protagonizada pelo congresso, uma vez mais exigindo a saída de um ministro do executivo Federal. Após reunião com os chefes dos três poderes em 24 de março, assistimos um movimento em bloco no congresso nacional contra o ministro das relações exteriores Ernesto Araújo.

A fervura do caldeirão aumentou ainda mais com o famigerado caso do gesto “supremacista branco” do assessor especial da presidência para assuntos internacionais Filipe G Martins, o caso apesar de conter motivos de piada para boa parte dos brasileiros, tem um objetivo muito claro: enfraquecer as bases do corpo diplomático e isolar o Presidente Bolsonaro de suas principais peças no complicado xadrez de Brasília.

O episódio ocorreu ao mesmo tempo em que senadores exerciam pressão enorme contra o ministro Ernesto Araújo e suas ações no combate a pandemia. Um movimento brusco e calculado do congresso, tentando matar dois coelhos com apenas uma cajadada.

Observamos uma sincronia perfeita de ações políticas, midiáticas e de formatação da opinião pública em duas frentes:

  1. Colar a imagem de racistas dentro do governo, acobertados pelo presidente da República.
  2. Após derrubarem o ministro da saúde, atribuírem as responsabilidades da pandemia ao ministro Ernesto Araújo.

Neste roteiro de cartas bem marcadas temos diversos personagens e fatos públicos que precisam de atenção para uma correta leitura dos acontecimentos.

China, PDT, Ciro Gomes e a influência comunista nas eleições de 2018.

No dia 08/07/2017 o PDT e o Partido Comunista da China reuniram-se para debater e fortalecer a candidatura de Ciro Gomes para a presidência da República.

A reunião aconteceu entre o secretário-geral do PDT, Manoel Dias, e pelo secretário do Secretariado do Comitê Central do partido chinês, Du Qinglin. Segundo artigo no site do próprio PDT “O encontro ratificou o alerta para a instabilidade gerada pelo governo do presidente Michel Temer e o consequente impacto negativo gerado no cenário macroeconômico.”

Ambos os lados deram seu relato da proximidade ideológica de longa data entre as partes na reunião. Segue nota na matéria com a visão institucional do PDT sobre o encontro:

“O nosso país tem uma posição estratégica na América Latina. Devemos buscar aliados, como a China, que façam a contraposição aos Estados Unidos e executem a necessária posição independente ao governo Trump”, complementou, ao defender o compromisso com uma nação justa, democrática e socialista, que ficou claro desde a pioneira visita de João Goulart, então vice-presidente do Brasil, em 1961.

O enviado do Partido Comunista Chinês, Du Qinglin, também expos a sua visão para o encontro e parceria de longa data entre o partido brasileiro e o governo Chinês:

“Os partidos têm semelhanças nas ideologias. Com base nos princípios de independência, estamos totalmente dispostos a fortalecer o intercâmbio, o conhecimento e a confiança”, declarou Du Qinglin, ao formalizar o convite para que os pedetistas participem do 19º congresso do partido chinês, que ocorrerá no segundo semestre deste ano (2017).

A subversão das soberanias pelo governo Chinês

Exatamente há um ano atrás, o PHVox expos no programa análise da semana, fala do então secretário de estado americano Mike Pompeo para os 50 governadores americanos, onde ele apresentava como a china estava subvertendo e de certa forma corrompendo a ordem política de países alvo para torna-los simpáticos ao regime comunista.

Em linhas gerais, quando o partido comunista chinês percebe que o governo central dos países não são favoráveis ou amistosos a suas políticas, eles buscam nos governos locais apoio e iniciam um forte financiamento local em troca de lobby e animosidade política para pressionar o governo central.

Veja a fala de Pompeo descrevendo o modo de operação:

No Brasil, o principal agente deste modo de operação é o governador do Estado de São Paulo João Dória. Em dossiê também apresentado no programa Análise da Semana, apresentamos todo o processo de aproximação chinesa com o governador e a crescente influência chinesa dentro do governo da principal unidade federal brasileira.

O mesmo método também pode ser observado na Austrália, envolvendo o governo Scott Morrison e o governo do estado de Vitória no sudeste do país, o caso também foi apresentado no Programa Análise da semana recentemente.

Direcionamento do discurso na imprensa: China Media Group

Além dos governos locais, o partido comunista chinês também investe em parcerias com os veículos de mídia através de contratos de cooperação em diversos países.

No Brasil, os casos mais notórios são com o Grupo Bandeirantes e o Grupo Globo. Também podemos citar o tradicional Il Giornale da Itália entre outros exemplos pelo mundo. Estes contratos de cooperação nunca deixam explicito qual a cooperação real entre as empresas e como eles se beneficiam destes acordos.

Todavia, uma ação do braço midiático do partido comunista chinês ocorreu em 28 de agosto de 2020: O Fórum de Cooperação de Mídia Online “Parceiros da América Latina”, onde foi proposto pelos organizadores chineses um esforço de cooperação com os veículos de mídia de toda a américa latina em prol das notícias relacionadas à pandemia de COVID-19 em todo o mundo.

No mínimo, o partido comunista chinês tem direcionado muitos esforços para guiar a opinião pública e a mídia de acordo com as suas narrativas.

Michel Temer, o “contratado chinês” da Huawei

Em 21 de janeiro de 2021 o ex-presidente do Brasil Michel Temer foi anunciando como o mais novo “contratado” da empresa de comunicações chinesa Huawei, para garantir que a empresa não fique fora do leilão de 5G no Brasil, conforme informou o Yahoo Finanças.

O partido comunista chinês vem investindo pesado em lobby no mundo inteiro em favor da Huawei, sendo este tema um grande embate do governo do ex-presidente Donald Trump contra o regime de Xi Jinping.

Poucos personagens na política nacional conhecem e dominam tão bem os corredores de Brasília quanto o ex-presidente Michel Temer.

Até julho de 2020, Japão, Nova Zelândia, Austrália, Reino Unido e os EUA baniram a Huawei da implantação da nova geração de redes de celulares nos seus territórios. Na França, a empresa foi proibida de instalar torres perto de prédios estratégicos do governo.

Em outubro de 2020 a Suécia também proibiu a Huawei e ZTE de participar de contratos 5G em seu país.

Aécio Neves e a tomada das relações exteriores na câmara.

No último dia 06 de março de 2021 o deputado federal Luiz Philippe de Orleans e Bragança divulgou mensagem em seu canal do Telegram que descreveu como um processo de toma lá, dá cá favoreceu o deputado e ex-presidente do PSDB:

O meu partido além da CCJ queria a CREDN que é a comissão que trata com diplomatas e defesa nacional. Esse ano essa comissão acumula a chefia de outra comissão: a que trata de temas de Inteligência. Eu havia sido escolhido pelo PSL para liderá-las esse ano.

Nas regras de proporcionalidade seria natural que o nosso partido ficasse com essa importante comissão, além do fato de termos outros integrantes no partido com aptidão para comanda-la.

No entanto o Aécio Neves articulou com demais partidos do Centrão para que o PSDB ficasse com a CREDN, efetivamente distorcendo todas as regras de escolha.

Nada disso foi ilegal mas envolveu fazer um troca troca de comissões de forma espúria entre diversos partidos do Centrão para conseguirem passar a comissão para o PSDB.

O toma lá da cá não é exclusivo da relação do legislativo com o executivo.

No dia 24 de março de 2021 o deputado Aécio Neves concedeu entrevista para a CNN Brasil onde afirmou que ‘O Brasil não tem sido feliz na sua condução de política externa há muito tempo. Deixamos de exercer uma política pragmática’.

Sim, pragmatismo político cobrado por Aécio neves que em sua extensa carreira política foi também nomeado presidente da Comissão do Ano Internacional da Juventude. Ele chefiou a delegação brasileira no Congresso Internacional da Juventude, em Moscou na União Soviética no ano de 1985.

 

A pandemia é real, assim como as possibilidades políticas em nome dela

Toda a narrativa construída na última semana, utiliza a pandemia como o principal fator de críticas contra o ministério das relações exteriores e o ministro Ernesto Araújo. Porém, fica cada vez mais claro que a pandemia, além de todos os problemas gerados para a população mundial, também serve como um excelente verniz para o jogo político de várias nações.

Existem diversas pontas nos últimos anos que envolvem a diplomacia chinesa no Brasil e no mundo que mostram que existe um método para implantar seus interesses subvertendo diversos campos políticos e midiáticos.

A Senadora Kátia Abreu prometeu, segundo o ministro Ernesto, que ele seria o “Rei do Senado” caso fizesse um gesto em favor do 5G chinês. Kátia Abreu, candidata a vice-presidente na chapa de Ciro Gomes em 2018, chapa que concorreu pelo PDT…

Escrito por

Paulo Henrique Araujo

30 Artigos

Palestrante, Apresentador e Diretor Executivo do PHVox.
Ver todos artigos

14 comentários em “Kátia Abreu, PDT e China: O ataque à soberania brasileira”

  1. Conheci há pouco tempo o seu trabalho. Estou escutando os podcast e lendo os textos aos poucos. Ótimo trabamho, parabéns.

  2. Se cedermos à pressão dos corruptos que abundam no Congresso Nacional e na Suprema corte, iremos sucumbir como nação independente e democrática e esses canalhas desprezíveis venderão o Brasil para a ditadura chinesa a troco de banana!!!

    1. Os PCCh está atacando em diversos front de uma vez. Isso não é política estudada mas de desespero. Pode dar tudo errado para os Chineses. Para nós é saber tourear direito com calma e jogando com o tempo. Preparar o contrataque conjuntamente e simultaneamente com os outros dissidentes. Nenhuma atitude isolada!

  3. Texto muito explicativo e que esclarece o porquê das ações antipáticas dos governadores dos estados contra o governo central. Pelo jeito, os problemas com o congresso só estão começando.

  4. O pensamento do governo chinês é o mesmo de A.Hitler !!! Muda só a raça.
    Pergunto:Depois que lograrem êxito de instalação (de capital físico e humano- pois COLOCARÃO o seu povo nos quatro cantos da terra-) e ,considerando que NÃO HÁ MAIS LUGAR NO MUNDO PARA QUASE 8 BILHÕES DE TERRÁQUEOS;QUEM VOCÊS PENSAM QUE SERÃO MORTOS????!!!???
    O SEGUNDO GOLPE Q A CHINA DARÁ;SERÁ O ASSASSINATO DE TODOS OS Q INVESTIRAM E CRERAM NELES!!!
    INCLUINDO O DEEP STATE E O RESTANTE DOS GLOBALISTAS.

  5. Junte-se isso às centenas de milhares de toneladas de soja que “sumiram” com a suposta peste suína no país do Oriente. Não teriam sido comidas pois porcos morreram, mas foram compradas para bonito, talvez. Ver mundo rural business. Quem tem comida e ração tem tudo.

  6. A China, por meio de parlamentares corruptos, está sendo tratada como o exemplo da moralidade, e a velha mídia corrobora esta falácia suja. A China criou o caos e para os monstros do pântano, ela traz a solução para o mesmo mediante chantagem e subversão. Yuri Besmenov avisou.

  7. A Europa, Canadá e até os EUA já cairam na real em relação ao tráfego de influência criminoso dos sinocomunistas e genocidas da minoria Uyghurs. Nigel Farage do Reino Unido está dedicando 100% do seu tempo a monitorar as atividades criminosas e corruptas do PCC. O PCC agora se voltou de forma agressiva para alguns políticos brasileiros corruptos e vigaristas para tentar vingar o 5G da Huawei comunista.

  8. . Este país, e o seu povo ateu, Deus não reconhece . Nem nós. E nem essa bruxa de nome Kátia Abreu….pois já dedeu.

  9. Mais um excelente trabalho deste canal,cujo esforço em trazer a verdade e luz, para que possamos nos unir e agir enquanto há tempo de lutar contra a implantação deste regime nefasto. Obrigada a toda equipe do PHVOX!

  10. Infelizmente, nós brasileiros não valorizamos o patriotismo e não fazemos questão nenhuma de preservar e respeitar os valores éticos e morais, não temos a cultura necessária p/ entender que se não investirmos em educação seria seremos escravizados e eliminados por países que num futuro bem próximo não terão como sustentar suas populações sem saquear e dominar países como o nosso. Infelizmente estamos condenados z uma submissão ou eliminação e a grande maioria não percebem isso. Esse vírus tem um objetivo, enfraquecer os governos dos países produtores de alimentos e os que protegem estes.

  11. Revoltante o que é o quanto os inimigos do Brasil ,estão dispostos a fazer! Não merecem estar neste pais! PARASITAS do nosso dinheiro.MALDITOS E MALDITAS POLITICAS!

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *